Video of Day

|PMTS - Vera Sampaio

Em 2013, notas das escolas taboadenses elevaram 0,4 pontos em relação a 2011.

Foto 01 - Ensino de Tabo úo da Serra supera regi úo e Brasil no IDEB
Alunos de Taboão da Serra atingiram a nota 5,9
do IDEB quando a meta era de 5,5



A Prefeitura de Taboão da Serra está empenhada em proporcionar ensino de qualidade a todos os alunos das escolas públicas. Os frutos destes esforços já podem ser comprovados com os resultados do Índice de Desenvolvimento da Educação Básica (IDEB), divulgados nesta segunda-feira, 8 de setembro, pelo Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas (INEP). O IDEB faz parte do Plano de Desenvolvimento da Educação (PDE), que estabelece metas para aumentar a qualidade de ensino das escolas brasileiras. A meta deste ano, para Taboão da Serra, era de 5,5 pontos, porém as escolas do município superaram este número e chegaram à marca de 5,9 pontos. Este valor se aproxima da meta que estava prevista para o ano de 2017, que é de 6,0 pontos.
A nota é calculada com base no desempenho dos alunos na Prova Brasil, no Sistema Nacional de Avaliação da Educação Básica (SAEB) e na taxa de aprovação e evasão escolar. Em outras palavras, quanto menos desistências e repetências a escola registrar e quanto maior a nota dos alunos no teste, melhor será a classificação da escola.
Taboão da Serra não apenas superou a média nacional, que foi de 5,2 pontos, como também ficou acima da média das escolas da região. O ensino taboanense superou escolas de Embu das Artes (5,5 pontos), Cotia (5,2 pontos), Itapecerica da Serra (5,4 pontos), São Lourenço da Serra (5,8 pontos) e se igualou a média de Barueri.
Segundo o prefeito Fernando Fernandes, a nota de Taboão da Serra é reflexo das inúmeras políticas que estão sendo adotadas pela Prefeitura. “Quando iniciamos esta gestão, assumimos o compromisso de garantir educação de qualidade para todos os alunos. Neste sentido, estamos empenhados em proporcionar ambientes ideais, agradáveis e que favoreçam o aprendizado” – declarou.
O secretário de Educação, Ciência e Tecnologia, João Medeiros de Sá Filho, ressaltou que a Prefeitura está trabalhando para melhorar ainda mais estes números. “Nosso foco é agregar novos conteúdos e metodologias de ensino que sejam eficazes e garantam o aprendizado” – disse. “Tanto que instituímos 2014 como o ano da matemática nas escolas e, inclusive, estamos desenvolvendo projetos como a Khan Academy e o Mente Inovadora para elevar o nível de conhecimento dos alunos” – completou.


Leia também:  Ideb de Embu das Artes supera meta nacional









0 comentários:

Postar um comentário