Video of Day

image_preview

A conferência das Nações Unidas sobre o Desenvolvimento Sustentável, Rio+20, tem como principal objetivo discutir a agenda mundial do desenvolvimento sustentável para as próximas décadas.

A conferência buscará renovar oficialmente o comprometimento político dos países participantes com o desenvolvimento sustentável. A Economia Verde e A Estrutura Institucional para o Desenvolvimento Sustentável serão os temas principais do evento.

O Brasil espera que com a conferência, principalmente dentro do tema Economia Verde, haja uma maior aproximação entre os países desenvolvidos e em desenvolvimento, que possa ser adotadas estratégias globais com foco na erradicação da pobreza, na diminuição das desigualdades, na geração de empregos, o aumento do uso de energias renováveis e na transferência de tecnologias apropriadas para os países em desenvolvimento.

A Rio+20 é composta por 3 etapas. A 1ª etapa começou hoje, 13, e irá até o dia 15/06. Nesta etapa está prevista a 3ª reunião do Comitê Preparatório, onde se reunirão representantes governamentais para negociações dos documentos a serem adotados na Conferência.

Entre 16 e 19/06, a programação prevê eventos com a sociedade civil.

Do dia 20 a 22/06 acontecerá o Segmento de Alto Nível da Conferência, é esperada a presença de diversos Chefes de Estado e de Governo dos países-membros das Nações Unidas.

Na inauguração do Pavilhão Brasil, a Presidenta Dilma Rousseff destacou as conquistas brasileiras com relação ao meio-ambiente (o desmatamento brasileiro diminuiu cerca de 67% nos últimos 8 anos), sobre a agricultura sustentável praticada no Brasil, além de declarar a importância da Rio+20 para a país.

“Meio ambiente não é um adereço. O meio ambiente faz parte da visão de incluir, da visão de crescer, porque, em todas elas, nós queremos que esteja integrado o sentido de preservar e conservar”, palavras da presidenta Dilma. Dilma Rousseff Futura Press1º dia da Rio+20 contou com as presenças: dep.Sérgio Cabral, presidenta Dilma, ministra Gleisi Hoffmann, pref. do Rio Eduardo Paes.

0 comentários:

Postar um comentário